HOME   |   IABPR, Interiores, Paisagismo, Patrimônio, Projeto, Urbanismo  |   Já está em funcionamento novo canal de atendimento do CAU

Já está em funcionamento novo canal de atendimento do CAU

IABPR, Interiores, Paisagismo, Patrimônio, Projeto, Urbanismo
01/08/2016
O serviço de chat agiliza o atendimento aos arquitetos e urbanistas e já está em vigência.

Arquitetos de todo o Brasil já contam com mais um canal de atendimento do CAU. Fazendo parte do Teleatendimento Qualificado do CAU (TAQ) o Atendimento Online já está disponível para responder às dúvidas, receber reclamações e dar orientações quanto a realização de denúncias dos arquitetos e urbanistas do país. O novo serviço é um chat que funciona das 9h às 19h, de segunda a sexta-feira.

O acesso é fácil. Basta clicar na logo Atendimento Online existente na lateral direita da página inicial do site do CAU/BR e digitar seu nome e email. Em breve, o CAUPR e demais sites do CAU/UF também terão o link.

Sem título

Tela de acesso inicial ao Atendimento Online do CAU.

Canal alternativo à Central de Atendimento (0800-883-0113), o chat está simplificando o processo e reduzir o tempo de espera, já que o profissional não dependerá exclusivamente de demandas por telefone, lembra o Ouvidor Roberto Simon.

No caso em que os questionamentos feitos via chat ou 0800 não forem conclusivos no momento da consulta, o profissional ainda terá mais dois níveis de serviço em que o CAU assumirá o papel ativo de entrar posteriormente em contato com o interessado. Um deles é o back office e o outro, se a dúvida persistir, é a Rede Integrada de Atendimento (RIA). A RIA reúne todos os canais de atendimento disponíveis para o arquiteto e urbanista e conta com instrumentos de análise de performance, o que facilita seu constante aperfeiçoamento, atuando também em parceria com a Ouvidoria do CAU/BR.

Com uma média de 7.500 chamadas mensais no primeiro semestre de 2016, em junho, o TAQ recebeu 5.125 chamadas. Dessas, 2703 (88%) tiveram resposta conclusiva no momento da primeira abordagem. As questões mais relevantes referem-se a anuidade, procedimentos para preenchimento de RRT e registro profissional.


Fonte: CAU/BR

Comentários: