HOME   |   Inspiração, Projeto  |   Documentários de Arquitetura para assistir em 2018

Documentários de Arquitetura para assistir em 2018

Inspiração, Projeto
09/01/2018
Uma sugestão de títulos de documentários vinda do site Archdaily sobre arquitetura. Vale a pena!

O êxito profissional e sua celebração podem destacar certos arquitetos dentro do próprio campo da arquitetura e criar uma espécie de anteparo em relação a outros profissionais e estudantes. Este acaba agindo tanto como pedestal, elevando aqueles de grandes feitos, quanto como barreira, distanciando-os dos demais e criando certa aura em torno de suas personas. Especular os pormenores da vida desses arquitetos é, em alguma medida, comum, e raro é o estudante que nunca teve devaneios sobre a rotina de Paulo Mendes da Rocha ou quantas milhas já voou Rem Koolhaas.

A discrição de tais arquitetos não permite muitas conclusões, e talvez o mais próximo que consigamos chegar desses detalhes seja através dos documentários listados a seguir:

BIG TIME / Kaspar Astrup Schroder

1h33min (2017) / Inglês

Como um dos destaques da produção arquitetônica contemporânea, à frente do do escritório dinamarquês BIG,  Bjarke Ingels é hoje considerado um dos maiores e mais promissores nomes do setor criativo. Com perfil inquieto, sempre na busca por novos desafios – tentando superá-los, e sobretudo criativamente inspirador, neste documentário Ingels é retratado do ponto de vista profissional e pessoal, na tentativa de entendimento ao universo que o estimula.

Com declarações óbvias, mas intrigantes, o arquiteto faz-nos refletir a todo momento, como em “a melhor coisa de ser um arquiteto é que você constrói edifícios”. Impressionado com o conceito de projetar edifícios, sistema que permite combinações inusitadas e surpreendentes, é um dos pontos mencionados no discorrer do filme.

Tudo é Projeto / Joana Mendes da Rocha e Patricia Rubano

1h14min (2017) / Português

Dirigido por Joana Mendes da Rocha e Patricia Rubano, o documentário retrata a vida e obra do arquiteto vencedor do Pritzker  2006, Paulo Mendes da Rocha, por meio de entrevistas contadas em primeira pessoa à filha e Ana Resende, co-realizadora do filme. Considerado o arquiteto brasileiro vivo com maior reconhecimento no mundo, autor de icônicos projetos como o Pavilhão Oficial do Brasil na Expo 70, em Osaka, o Museu Brasileiro da Escultura (MUBE), em São Paulo, o Ginásio de Esportes do Clube Atlético Paulistano, a reforma da Pinacoteca do Estado de São Paulo,  o Sesc 24 de Maio (em parceria com o MMBB), entre muitos outros ainda em fase de construção como é o cado do Cais das Artes, em Vitória (parceria com Metro Arquitetos), traz-nos a oportunidade por conhecer seu lado pensador, extraordinariamente instigante.

Oficina para a paz; a construção da sede da ONU / ONU

54min  (2016) / Inglês

Com apenas 54 minutos, o documentário narra o processo construtivo da emblemática sede da Organização das Nações Unidas em Nova Iorque, edifício concebido em colaboração por Oscar Niemeyer e Le Corbusier através de uma comissão liderada por Wallace K. Harrison. No filme, são retratados fatos como a escolha do projeto, fases da construção e ainda uma entrevista com Niemeyer.

Eu sou a gentrificação: confissões de um canalha / Thomas Haemmerli

1h38min (2017) / Suiço

Abordando como principal enfoque o Urbanismo e transformações no espaço urbano suíço, o diretor Thomas Haemmerli aponta em alguns lugares nos quais viveu, como São Paulo, Zurique e Cidade do México, os embates sobre o processo de Gentrificação.

 Ponto de vista / Ingrid Mabelle

30min (2015) / Português

Resultado de um trabalho de conclusão de curso de Jornalismo, finalizado em dezembro de 2015, o documentário busca retratar através de dez diferentes pontos de vista, como a dinâmica na alteração do espaço geográfico pôde garantir que os moradores do entorno do Elevado Costa e Silva, atual Elevado Presidente João Goulart, não sofram com o processo de gentrificação –  substituição de moradores menos abastados por outros com maior poder aquisitivo. O filme ainda aponta dados históricos e diferentes opiniões em entrevistas de moradores, urbanistas e especialistas, expondo o atual valor do Mercado nos arredores do Elevado, que nos últimos anos vem recebendo diversas propostas e intervenções.

Urbanized / Gary Hustwit

1h25min (2011) / Inglês

Dirigido por Gary Hustwit, o documentário apresenta uma visão sobre o desenho das cidades contemporâneas sob diferentes aspectos enfrentados em sua idealização. Também compreende diferentes opiniões de alguns dos mais renomados arquitetos, urbanistas, políticos, construtores e pensadores, como Rem Koolhaas, Alejandro Aravena, Norman Foster, Joshua David, Oscar Niemeyer e Canto James.

Vale destacar que mais da metade da população mundial vive em áreas urbanas, e mais de 75% viverão até 2050. Mas, enquanto algumas cidades estão experimentando um crescimento explosivo, outras estão em fase de condensação. Os desafios de equilibrar habitação, mobilidade, espaço público, participação popular, o desenvolvimento econômico e as políticas ambientais, estão rapidamente tornando-se uma  preocupação universal. Ainda assim, a maioria dos discursos sobre esses temas estão desconectados do domínio público. Sendo assim, o filme propõe novas abordagens para lidar com as vantagens e desvantagens da urbanidade.

Minimalism – A documentary about the important things / Matt D’Avella

1h19min (2015) / Inglês

 

Texto: Archdaily

Veja a matéria completa com outras sugestões de documentário aqui!

 

 

 

 

 

 

Comentários: