HOME   |   Inspiração, Instalações e Equipamentos, Interiores, Projeto, Sistemas Construtivos, Urbanismo  |   Casa de diarista em São Paulo ganha prêmio internacional de arquitetura

Casa de diarista em São Paulo ganha prêmio internacional de arquitetura

Inspiração, Instalações e Equipamentos, Interiores, Projeto, Sistemas Construtivos, Urbanismo
16/02/2016
A diarista Dalvina Borges Ramos, de 74 anos de idade, economizou ao longo de toda sua vida um valor de R$ 150 mil. Quando adquiriu um pequeno imóvel há 25 anos na Vila Matilde, bairro da zona leste de São Paulo, jamais pensou que venceria um prêmio internacional de arquitetura. Em 2013, uma tempestade fez […]

A diarista Dalvina Borges Ramos, de 74 anos de idade, economizou ao longo de toda sua vida um valor de R$ 150 mil. Quando adquiriu um pequeno imóvel há 25 anos na Vila Matilde, bairro da zona leste de São Paulo, jamais pensou que venceria um prêmio internacional de arquitetura.

Em 2013, uma tempestade fez com que parte do teto desabasse. Isso foi a gota d’água para Dalvina, que resolveu fazer uma reforma urgente no imóvel. A obra foi planejada por Marcelo Borges, filho único da diarista, e o responsável por procurar o escritório de arquitetura Terra e Tuma com dois pedidos: urgência e orçamento limitado. Foi, então, que as economias da diarista valeram a pena.

O resultado? O prêmio internacional “Building of the Year 2016” (melhor construção do ano), promovido por um dos sites mais importantes do segmento no mundo, o ArchDaily. A construção deu ares contemporâneos ao imóvel de Dalvina, que deu a seguinte declaração ao G1: “A parede eu até acho bonitinha, mas esse chão dá a impressão que é sujo. Quero colocar um piso branquinho para dar uma aparência mais alegre”.

Comentários: